02 Aug
#curso ⎮ A reinvenção da zona portuária do Rio de Janeiro”
Lido 852 vezes | Publicado em Eventos | Última modificação em 03-08-2017 13:20:08
 
tamanho do texto reduzir tamanho do texto aumentar tamanho do texto
Qualifique este item
(0 votos)

A Associação dos Geógrafos Brasileiros — Seção Rio de Janeiro (AGB-Rio) promove, nos dias 19 e 26 de agosto, o mini curso "O Projeto Porto Maravilha e a reinvenção da zona portuária do Rio de Janeiro", com o professor João Carlos Carvalhaes dos Santos Monteiro, formado pelo IPPUR/UFRJ.

Inscrições: enviar nome, telefone, email e n° da associação anual para Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

 

EMENTA “O projeto Porto Maravilha e a reinvenção da zona portuária do Rio de Janeiro”

Professor: João Carlos Carvalhaes dos Santos Monteiro. Bacharel e licenciado em Geografia (UFF), especialista em Política e Planejamento Urbano (UFRJ), mestre em Planejamento Urbano e Regional (UFRJ), doutorando em Estudos Urbanos pela Université du Québec à Montréal (UQAM) e doutorando em Geografia (UFF).

Objetivos: O objetivo do minicurso é oferecer uma compreensão das transformações socioespaciais engendradas pela operação urbana Porto Maravilha e da evolução dos bairros portuários da cidade do Rio de Janeiro a partir da identificação dos agentes promotores desse projeto de revalorização e dos mecanismos financeiros, simbólicos e discursivos acionados para a sua realização. No primeiro módulo, em sala de aula, o objetivo é contextualizar os participantes sobre a história e a geografia da zona portuária e discutir alguns termos que compõem um quadro teórico-conceitual que nos auxilia na análise do processo em curso, tais como: gentrificação; revalorização urbana; neoliberalização; estigmatização territorial; grandes projetos urbanos. O segundo módulo, um trabalho de campo, permitirá uma articulação teoria-prática através de um diálogo entre os temas apresentados em sala de aula e a observação das transformações da zona portuária, permitindo aos alunos uma leitura científica da dinâmica do espaço geográfico.

Datas: 19 e 26 de agosto de 2017 (sábado, de 10h às 13h).

Informações e inscrições: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Local: No dia 19 de agosto, o curso será realizado nas dependências do SinproRio, localizado na Rua Pedro Lessa, 35, Centro do Rio. No dia 26 de agosto, o trabalho de campo terá início na Praça Mauá em frente ao Museu do Amanhã.

Duração: 6 horas.

Público-alvo (não excludente): professores, estudantes de Geografia e geógrafos recém-formados.

Vagas: 20.

Custo: Gratuito para associados da AGB-Rio (filiação com validade para o ano de 2017); R$50,00 para não-associados. Observação: a filiação à AGB-Rio custa R$35,00 para professores da educação básica e estudantes de graduação, e R$70,00 para graduados. A filiação garante a participação gratuita em diversos eventos organizados pela AGB-Rio no período de vigência da anuidade.

Realização: Associação dos Geógrafos Brasileiros, Seção Rio de Janeiro (AGB-Rio), Grupo de Trabalho de Geografia Urbana.

Apoio: Sindicato dos Professores do Município do Rio de Janeiro e Região (SinProRio) e Observatório de Áreas Urbanas Centrais (ObservaCentros).


 

BIBLIOGRAFIA OBRIGATÓRIA PARA O ACOMPANHAMENTO DO CURSO

Monteiro, J. Estigmatização territorial e limites para a revalorização urbana: o caso da zona portuária do Rio de Janeiro. Anais do 2017 Congress of the Latin American Studies Association, 2017.

Monteiro, J. Habitação de interesse social em cenários de revalorização urbana: considerações a partir da experiência carioca. Cadernos Metrópole, v. 17, n. 34, 2015.

Monteiro, J. e Andrade, J. Porto Maravilha a contrapelo: disputas soterradas pelo grande projeto urbano. e-metropolis, n. 8, ano 3, 2012.

Monteiro, J. Transformações e perspectivas para a área central do Rio de Janeiro: a ação do poder público municipal. Anais do XIII Encontro da Associação Nacional de Pós-graduação e Pesquisa em Planejamento Urbano e Regional, 2009.



Etiquetado como: